Dia Internacional da Mulher: Um Dia para lembrarmos a luta e a conquista das Mulheres por direitos, respeito e igualdade!

Publicado por Serta em 8 de março de 2020

Foto: @henriqlee / SERTA

O dia 08 de março é celebrado para lembrar as conquistas e lutas que foram travadas pelas mulheres no decorrer da história. Durante muito tempo, no mundo todo, as mulheres viveram na condição de submissão ao sexo oposto. No Brasil, não muito distante, elas não tinham direito ao voto, não podiam assumir funções de liderança, de poder, onde cuidar dos afazeres domésticos e dos filhos era o seu papel.

A luta das mulheres é por equidade, por direitos, justiça social, igualdade de oportunidade, liberdade, autonomia, empoderamento e de uma vida plena sem violência! E, até que chegássemos até aqui, houve muitos episódios de violência e luta que marcaram a nossa história. O Dia 8 de Março, por exemplo, eterniza a morte de mais de cem mulheres e meninas carbonizadas que lutaram por melhores condições de trabalho e igualdade entre homens e mulheres, em Nova York, no ano de 1911. Um marco que alimentou a trajetória das lutas feministas ao longo do século passado e que, diferente de outras datas comemorativas, nos conduz ao Dia em que pauta o enfrentamento das mulheres por igualdades, por um lugar seguro, contra o feminicídio, a violência.

Ao longo da história, as mulheres são vítimas do patriarcado, sofrem a todo instante as consequências do machismo, com atos violentos que submetem as mulheres a viverem com medo e submissas aos homens. Um machismo que adoece e mata muitas mulheres todos os dias.

O grande avanço que tivemos ao longo dos tempos foi falar sobre esses problemas, de pautar nossas angústias e de lutar. Graças a isso, muitas de nós passaram a ocupar cargos importantes, viajar sozinhas, estudar e vivermos nossas vidas com responsabilidades iguais aos homens. Nesse sentido, o movimento feminista vem protagonizando a luta e defesa dos direitos das mulheres. Anti-sistêmico, luta contra o machismo, racismo e o capitalismo que em diversas esferas viola os direitos das mulheres.

Neste dia, vamos, juntas, ampliar o som da voz das mulheres por equidade e justiça social! Como é aclamado no movimento de mulheres: Nenhum direito a menos! Por mim, por nós e pelas outras!

Alexsandra Maria da Silva – Presidenta do Serta



Deseja contribuir com essa iniciativa?
Banco do Brasil: AG 2081-8 | C/C 8437-9